Suyan de Mattos

Suyan de Mattos

Rio de Janeiro,
1962

Suyan de Mattos é pós-doutora em Artes pela Universidade de Buenos Aires (UBA, Argentina) e doutorado em História da Arte pela Universidade Nacional Autônoma do México (UNAM, México).

Realizou diversas curadorias de exposições, As Caixas, no Museu Vivo da Memória Candanga (Brasília), Carta/Obra, na galeria deCurators (Brasília) e Centro Cultural Brasil-México, na Cidade do México. Também realizou diversas exposições individuais em espaços como o Museu de Arte de Goiânia e a galeria da Faculdade de Artes Visuais da Universidade Federal de Goiás/ FAV-UFG, em Goiânia, Goiás; Museu de Arte de Blumenau (Blumenau, Santa Catarina); galeria da Casa da Cultura da América Latina da Universidade de Brasília (Cal-UnB); e projetos Atos Visuais e Prima Obra, na galeria da Fundação Nacional das Artes (Funarte), em Brasília.

Participou de exposições coletivas no Brasil e no exterior, como MUDA, com o Coletivo F.A.D.A., na Casa da Cultura da América Latina da Universidade de Brasília (Cal-UnB), Curanderias e Ebulições, exposição virtual, Coletivo F.A.D.A., Onde Anda Onda I, II, e III, Museu Nacional de Brasília/Brasil, a IX Bienal Nacional de Santos de Artes Visuais, II Bienal Nacional de Dibujo y Pintura Orozco/México. Participou de residências artísticas no Brasil, na Espanha, no Chile e em Portugal.

É coordenadora e curadora da residência artística Hospitalidade/Casa Aberta, em Olhos d’Água, Goiás.  No desenvolvimento do seu trabalho utiliza múltiplas linguagens na composição de narrativas, pautadas, principalmente, pela ótica do mundo sexual e sensual feminino/feminista, cujas evidências são coletadas em memórias vividas, diariamente, como mulher.

Vive e trabalha em Brasília.

obras disponíveis

Suyan de Mattos
Obra sem título
, 2020
Mista
55 x 40 cm
Suyan de Mattos
Obra sem título
, 2020
Mista
55 x 40 cm
Suyan de Mattos
Obra sem título
, 2020
Mista
55 x 40 cm
Suyan de Mattos
Obra sem título
, 2020
Mista
55 x 40 cm