26 anos de Referência em arte

No mês de novembro, a Referência Galeria de Arte comemora 26 anos de atuação no mercado de arte contemporânea brasileira. À frente da galeria, Onice de Moraes vem realizando ao longo dos anos mostras com artistas consagrados e jovens em início de carreira, convidando curadores para produzir exposições, levando os trabalhos de artistas do Centro-Oeste para feiras de arte internacionais e apresentando-os a diretores de instituições públicas e privadas como museus e colecionadores individuais.

Para celebrar a data, até 30 de novembro, a Referência oferecerá condições especiais de pagamento para todas as obras do acervo. Para pagamentos à vista, 20% de desconto; para pagamentos parcelados, até 10 vezes sem juros e mais 5% de desconto. Para os clientes do Distrito Federal, a entrega e a instalação de obras é gratuita. A Referência abre de segunda a sexta, das 10h às 19h, e no sábado, das 10h às 15h, e fica na 202 Norte, Bloco B Sala 11 – Subsolo, Brasília- DF. Telefone: (55 61) 3963-3501 e Wpp (55 61) 98162-3111.

Desde 1995, Referência Galeria de Arte realizou inúmeras exposições individuais e coletivas, com obras de artistas que fazem parte do elenco representado e de acervo, como as individuais dos ícones Athos Bulcão e Amilcar de Castro e a coletiva que reuniu num mesmo espaço Carlos Vergara, Roberto Magalhães e Cláudio Tozzi. Também apresentou ao público artistas em início de carreira por meio do projeto Novas Referências, de onde saíram nomes como Virgílio Neto, Raquel Nava, David Almeida, Clarice Gonçalves, entre outros. Também levou artistas a mostras em instituições públicas como o CCBB, a Caixa Cultural, o Museu Correios e o Museu Nacional da República. “Tudo isso é feito para que os clientes, compradores eventuais ou colecionadores experientes, tenham informações de qualidade para fazer as melhores escolhas”, diz a galerista e sócia da Referência, Onice Morares.

A partir de 2004, Paulo Moraes passa a ser sócio da galeria. E, mais recentemente, a Referência procura dar ênfase e visibilidade à produção artística e aos profissionais que fazem parte da cadeia produtiva das artes visuais no Distrito Federal e do Centro-Oeste. Onice Moraes ressalta que os 26 anos da Referência são resultado de uma construção coletiva, em que é importante reconhecer o papel que cada um dos profissionais desempenha como parte fundamental no desenvolvimento de todo o segmento.

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Artigos relacionados

Parede Vazia

Tudo começa com uma parede vazia

Guia básico para começar uma coleção de arte, preferencialmente contemporânea alvo raras exceções, ninguém nasce colecionador, muito menos compra um quadro para sua casa pensando